quarta-feira, 15 de abril de 2009

Coisas que me andam a incomodar nisto de ser blogger

.
1 - Porque é que a maior parte dos "espectadores" do meu blog é mulher?

Hipóteses:
... 1 - Porque escrevo coisas de gaja (sentimentos e lamechisses do género);
... 2 - Porque nunca falo de futebol;
... 3 - Porque a maioria das pessoas com blog são mulheres;
... 4 - Porque sou um homem extremamente cativante (apontou ele, ironicamente).

2 - Acho que já simpatizo mais com algumas pessoas das quais só conheço o que leio no blog delas, do que com pessoas que conheço na vida real.

E isso não é normal.

3 - Tenho "medo" de escrever algumas coisas porque há pessoas a ler, e para além de já me sentir exposto, sinto que serão feitos juízos de valor.

E isso é estúpido.

4 comentários:

Taina disse...

Pq a maioria das gajas tem sentido de humor e gosta de blogs com crises de existencialismo e de pessoal sincero :) Ah...And we are everywhere! :)


O ponto 2 acontece-me mas em vez de bloggers é com animais hehe

Qt aos juizos de valor nunca notei muito.. sinto mais censura no facto de escrever e ser lida por um conhecido do que por um blogger conhecido mas que me desconhecido(se é que me faço entender)

Marie disse...

Olha eu a achar que aquilo que eu acho é relevante:
1- Eu diria a #3. Claramente.
2- Beeem... sei lá? Eu estava à espera que fosse normal... simplesmente porque dou mais tempo às opiniões dos bloggers que leio do que às de algumas pessoas que conheço? Não sei bem...
3- Percebo. Mas...É sempre um bocadinho assim, não? Somos sempre um bocadinho condicionados por aquilo que achamos que as outras pessoas esperam de nós. Bem, comigo pelo menos é um bocadinho assim.
4- Peço desculpa pelo comentário quilométrico. A intenção era do melhor:)

Raciocínico disse...

Taina: Obrigado quanto ao sentido de humor e a sinceridade... a parte das crises existenciais admito ser verdade, mas preocupo-me um pouco sobre isso. Não tarda tenho uma crise existencial por ter crises existenciais.
Também gosto mais de alguns animais do que de algumas pessoas, apesar de achar que a vida humana tem sempre mais valor que a animal.
E sim, concordo no que dizes em relação aos juizos de valor, é sempre mais complicado com conhecidos.

Marie: Comentários quilométricos são sempre bem vindos neste blog :)

Taina disse...

bolas.. o obj do comentário não era criar outra crise existencial. Qd o disse era um elogio, eu própria sofro desse flagelo q é "pensar demais"

Vida humana vale mais q a animal? depende da pessoa e do animal :P

(n comentaste o nosso fantástico sentido de humor.. o q claramente me parece uma falha grave :p)

Sesguidores