sábado, 12 de janeiro de 2013

Arrependimentos e confirmações de inutilidade


Eu não queria ser daquele tipo de pessoa que de repente não consegue arranjar tempo para blogues e para escrever.

Não queria, mas foi precisamente nisso que me tornei.

É com algum pesar que o noto. Faz-me falta expressar-me a mim próprio por aqui.

3 comentários:

Ana 100 Sentidos disse...

Eu sinto-te a falta.

Alexandre disse...

aconteceu-me o mesmo. tenho tentado contrair isso.

efemota disse...

parecendo que não, é preciso tempo e paciência para nos dedicarmos à blogosfera.

cumps

Sesguidores