sábado, 1 de setembro de 2012

Não tão longe


Agora que pude parar um bocado e pensar na vida, assusta-me um bocado. Passei uma semana a trabalhar, fazendo algo que adoro, sem qualquer garantia do futuro. É estar entre esta fome de ter mais e a possibilidade de nunca ter oportunidade de a saciar.

Pensando bem, que se foda. Foi espetacular nos bons momentos e espetacular no maus também. E é isso que eu quero poder dizer da minha vida quando ela findar.

2 comentários:

J disse...

Boa sorte, T.

Dri disse...

mas viver nos dias de hoje é mesmo assim como dizes...e concordo contigo a 200%, "que se foda" a vida tem é de se viver em pleno com os bons e com os maus momentos.

Sesguidores