terça-feira, 7 de agosto de 2012

Foda-se! (nº79)


Estou convencido que não se trata só de falta de tacto. Tenho a certeza que por vezes o meu pai faz de propósito para me embaraçar. Como quando o levei pela primeira vez a um restaurante japonês e fomos atendidos por uma empregada asiática.

Empregada: Olá boa noite. Para beber?
Pai: UMA. GARRAFA. DE VINHO. MATEUS ROSÉ! SE. FAZ. FAVOR.
Eu: ...
Empregada: ... Muito bem. Mais alguma coisa?
Pai: UMA GARRAFA DE ÁGUA. MEIO-LITRO.
Eu (foda-se)
Empregada: ... É tudo?
Pai: SIM. MUITO OBRIGADO.

A sua única defesa foi "E como é que era suposto eu saber se ela falava português e me percebia ou não?"

1 comentários:

Elsa disse...

:) (desculpa, tive de sorrir)

A mim acontece mas com uma tia, que compensa o facto de a ver poucas vezes com um chorrilho de situações embaraçosas concentradas num curto espaço de tempo.

Sesguidores