segunda-feira, 30 de julho de 2012

Figuras que eu faço em entrevistas de emprego

Completamente perdido e sem conseguir orientar-me, entro para um edifício ao calha para pedir indicações

Eu - Desculpe, mas podia indicar-me onde fica a rua ***** ********?
Recepcionista - ... Está nela.
Eu - Ah hm uh... porreiro. Então podia dizer-me onde fica o edifício número X?
Recepcionista - ... É este.
Eu - Ah... Bem, vou ali fora fumar um cigarro que eu cheguei muito antes da hora, obrigado.

6 comentários:

Elsa disse...

Já eu consigo ser tão paranóica que estudo minuciosamente o trajecto e ainda chego a ponderar um reconhecimento prévio.
Concederem uma entrevista já não é mau de todo, espero que tenha corrido bem.

T disse...

Foi um desastre. Fui-me embora a meio porque aquilo era banha da cobra.

Elsa disse...

merda... :/

Rui Pi disse...

Há uns anos fui com a família passar uma semana a Londres. A minha mãe e o meu irmão ficaram lá sentados num banco com as malas enquanto eu e o meu pai andamos de rua em rua, de mapa na mão, à procura do hotel... durante mais de uma hora.
No fim, lá voltamos ao ponto de partida e perguntei a um taxista de ar sinistro onde era o hotel X. Ele apontou-me para o outro lado da rua...

T disse...

Isto significa que somos tão bons mas tão bons em termos de orientação que os mapas só servem para nos confundir a cabeça.

Alexandre disse...

Banha da cobra.. Já me aconteceu..

Sesguidores